domingo, 31 de maio de 2020

HERANÇAS 2
João Cândido Martins

Os quatro relógios menores pertenceram à minha mãe e o cebolão à direita embaixo, foi do meu pai. Ele usou isso por mais de 45 anos. Os objetos não têm valor financeiro e eu não tenho a pretensão de restaurá-los. Há muitos anos não uso relógio de pulso, acho que hoje em dia, com os celulares à mão, pouca gente usa essa invenção de Santos Dumont. Mas claro que nunca vou me desfazer deles.



Sem comentários:

Publicar um comentário